Europa – dia 13 (London, baby!)

ícones londrinos

Saímos de Munique por volta das 18h, e duas horas depois estávamos em Londres, onde ainda eram 19h por causa do fuso. Muitos têm dúvidas e receios sobre como comprar passagens em empresas aéreas na Europa, mas a minha experiência foi muito tranquila, em boa parte graças ao Sky Scanner, que pesquisa pra você voos de tudo quanto é companhia aérea do mundo, e quando você escolhe o seu, redireciona pro site da respectiva empresa. Você vai se surpreender com os preços, mas não fique muito animado com as low costs, porque elas acabam cobrando a diferença em outros itens, como bagagem.

Mas, como eu ia dizendo, chegamos em Londres às 19h e fomos para o controle de imigração. Depois da entrada mais do que tranquila na França minhas preocupações diminuiram bastante, embora imaginasse um controle mais rígido em Londres, por causa da nóia com o terrorismo. Acabou sendo tranquilo também e a senhora que nos atendeu foi muito simpática e até puxou conversa quando eu disse que estávamos em lua de mel, querendo saber que lugar tínhamos gostado mais e dizendo que possivelmente esse lugar passasse a ser Londres. Why not? – eu disse.

Com entrada permitida na terra da rainha, tratamos de converter uma parte dos nossos euros em libras, mesmo sabendo que fazer isso no aeroporto era mau negócio (como quase tudo num aeroporto). Mas se você acabou de chegar pela 1ª vez num país novo, opte pela segurança e troque pelo menos o suficiente pra se manter até achar uma casa de câmbio de cotação decente na cidade.

Eu já sabia que Heathrow era longe do nosso hotel (e de qualquer hotel bem localizado), mas me assustei com o preço de 69 libras do taxi. Isso era quase o preço das nossas passagens de avião! Mas, numa metrópole como Londres, existem vários outros meios de sair do aeroporto. Depois de analisar as opções e receber uma ajuda preciosa de uma funcionária de um serviço de bus transfer, optamos pelo bom e velho metrô. O clássico metrô de Londres, o maior e mais antigo do mundo. Diferente da chegada na França (onde também tem estação de metrô no aeroporto), agora eu já tava “PhD em Europa” e, mais importante, a Tati topou a empreitada. Claro que eu carrego as malas… 🙂

A moça que nos ajudou muito no aeroporto também acertou na mosca a estação onde devíamos descer, mesmo não conhecendo o hotel onde ficaríamos. Isso porque o hotel que ficamos tinha inaugurado apenas em agosto de 2010. Foi um achado! Nem lembro direito como cheguei a ele, porque ainda não tinha nenhum review no Trip Advisor ou sites como Hoteis.com e Booking.com, mas foi a solução perfeita pra quem queria ficar numa boa localização sem pagar os preços usualmente bem altos da região (principalmente pra quem ganha em real!).

todo o staff do Tune Hotel. fonte: Tune Hotel

Como não existe almoço grátis, a pegadinha é que o Tune Hotel é uma rede ultra-econômica, e que cobra à parte da diária desde as toalhas e sabonetes, uso do cofre e TV até a limpeza do quarto (há limpeza gratuita a cada três dias). Outro detalhe é o tamanho do quarto, que é incrivelmente minúsculo, e o banheiro do tamanho de um banheiro de ônibus (mas com chuveiro). Por 45 libras a diária, preço de lançamento, literalmente do lado do metrô e a 5 minutos de caminhada da London Eye, achei justo! Mas se você tem mais de 1,75m de altura recomendo que procure outras opções. Eu mencionei que o quarto é realmente pequeno?

não se deixe enganar pelos espelhos. fonte: Tune Hotel

Devidamente alojados, descemos pra comer alguma coisa perto do hotel. Dica: na pressa ou na dúvida, apele pra comida italiana, que geralmente não tem erro e costuma ser relativamente barata. Dito e feito, logo voltamos pro hotel pra recarregar as baterias (as nossas e da câmera), porque no dia seguinte queríamos aproveitar bastante. E o dia seguinte foi o recorde de fotos num único dia, que conto nos próximos posts.

Até.

Anúncios

9 comentários sobre “Europa – dia 13 (London, baby!)

  1. Valéria disse:

    Oi Ronaldo!
    na verdade viajamos três vezes, na programação do roteiro, a viagem propriamente dita e quando voltamos que contamos para familiares e amigos, quem tem blog ainda faz uma terceira viagem descrevendo para seus leitores, aí você viaja nos mínimos detalhes. Descrevi no blog minha viagem para os Lagos Andinos 5 meses depois e pessoas que viajaram conosco não acreditaram que eu ainda lembrasse tantas coisas.
    Londres é maravilhosa, estamos esperando pelas olímpiadas de 2012 para irmos, se Deus quiser…

    Meu blog não é de viagem, mas como adoro viajar estou sempre falando por lá. Dê uma passadinha para comentar sobre o post turista responsável, já que você é um viajante…

  2. maricota disse:

    Oi Ronaldo tudo bem? Cheguei aqui no seu blog através do seu comment no VnV. Estou indo pra Londres no próximo mes e vou me hospedar no Tune. Estava um pouco apreensiva pois são poucos relatos na net sobre ele, mas acho que vale o preço né?! Me diga uma coisa, vc. ainda se lembra como faz pra chegar do aeroporto até o hotel, via metro? Tem que fazer muitas baldeações? A estação Lambeth North é ao lado do hotel, certo? Eu vou com minha mãe e estamos querendo economizar! Se vc. lembrar me conta ok. =)

  3. Ronaldo Giusti disse:

    Olá,
    realmente são poucos os relatos porque o hotel inaugurou em ago/2010, mas as primeiras reviews no TripAdvisor já são positivas.

    Pra chegar até o hotel de metrô, eu não lembro bem em que terminal desci (vinha de Munique), mas até onde lembro fizemos apenas uma baldeação na estação Piccadilly Circus, onde mudamos para a linha Bakerloo, sentido Elephant & Castle, descendo na Lamberth North.
    Boa sorte na sua viagem!

  4. Ronaldo Giusti disse:

    Olá Monique,
    fiz a reserva pelo site mesmo e deu tudo certo!

    Só fique atenta às questões de reembolso pros casos de alteração e/ou cancelamento da reserva (acho que não há reembolso, mas é bom confirmar).

    Boa sorte na sua viagem!

  5. Anônimo disse:

    oi ronaldo, parabéns pelo blog.
    estou planejando uma viagem a londres para ficar uns 6 dias com minha namorada no inverno e pensei em ficar neste hotel. só fiquei com uma dúvida, visto que o quarto é pequeno: aonde vc colocaram as malas???

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s